sexta-feira, 12 de maio de 2017

Do amigo Manuel Marques

Aonde estão as sonhos que te ensinaram a amar...
No silêncio feito de esperança
tudo se perde na noite dos sonhos
que importa sermos uma só noite...
a noite é a noite
e é nos meus sonhos que te beijo...

Sinto dor, meu amor
quase saudade
é a insónia nocturna da memória
Vem meu amor
vem escutar o silêncio
que a noite chega apenas para nós...
Acorda!
aonde estão as sonhos que te ensinaram a amar...
Manuel Marques (Arroz)

6 comentários:

✿ chica disse...

Muito linda mais essa poesia do Manoel! Valeu! abração aos dois! lindo fds! chica

Beatriz Bragança disse...

Querida Irene
A sua página inicial está um sonho!
Obrigada por partilhar um tão belo poema.É mágico!
Um beijinho
Beatriz

Elisabete disse...

Gostei do poema, Irene.
Bjs

Arco-Íris de Frida disse...

Um pouco triste, é preciso buscar os sonhos onde estiverem... belo o poema...

Beijos, Irene...

Cidália Ferreira disse...

Que bonito. Adorei

Beijo e um bom fim de semana.

Maristela Guilherme disse...

Muito lindo o poema.
bjs